Importante evento será realizado em Belém pela CNT/FENAVEGA com apresentação do Programa PROTEGER

0
175

Será realizado em Belém, no pr[oximo dia 24 de maio, às 08h30, na sede da FIEPA, evento conjunto com a CNT/FENAVEGA, ocasião em que será apresentado o Programa PROTEGER onde serão discutidas propostas de fortalecimento das Ações de Repressão aos Ilícitos em Vias Navegáveis (fluviais) da Região Norte.
O evento reveste-se de grande importância para a navegação da região Amazônica, visto os problemas de insegurança, que todos conhecem, e que agravam-se a cada dia e, também, porque contará com a participação já confirmada do Dr. Sandro Avelar, Presidente da CONPORTOS – Comissão Nacional de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis, de sorte que a participação de todos é importante para contribuir na construção das medidas que serão implementadas.
Na oportunidade, a FENAVEGA estará representada pelo Diretor José Rebelo III, foto, quando foi premiado pela CPAOR. (Foto: Luis Celso).

Agradecimento ao Colunista

Do Comandante Ricardo Monteiro do NT “Oscar Niemeyer”

Prezado Jornalista Alyrio Sabbá
As Praticantes desta unidade, Raissa e Camila, ficaram em estado de graça e êxtase ao verem seus nomes publicados e no jornal “O Liberal” e no “Portal da Navegação”. Elas agradeceram muito pela nota. Agradeço também pela motivação que o senhor deu as mesmas. Elas se sentem mais motivadas e prestigiadas. Com certeza serão excelentes profissionais.
É uma pena o navio ainda não estar navegando pelo Norte, na área da Bacia Amazônica. Sentimos saudades dessa época em que abríamos as portas para as pessoas conhecerem nossa Unidade.
Infelizmente, no retorno do NT “Oscar Niemeyer” para o Norte, que espero aconteça ainda no decorrer no 2º semestre, não estarei mais no Comando, uma vez que devo desembarcar, quando então passarei o timão efetivo ao próximo Comandante.

O Comandante Fábio Andrade Oficial Superior da Marinha do Brasil, de elevados méritos, que hoje realiza um extraordinário trabalho a frente da nossa Universidade do Mar, que é o todo poderoso CIABA, instituição secular de ensino marítimo, acompanhado de sua bela esposa Srª. Mariani, filha Fabiani, futura Miss do Espadarte Clube dos Oficiais da Marinha e o filhão Fabrício, futuro Oficial da nossa Marinha Mercante, juntos depois da cerimônia alusiva ao Juramento à Bandeiras dos Alunos do 1º Ano da EFOMM/CIABA. Para o Comandante Fábio e Fabrício o meu abraço e, para Mariani, um beijo e uma rosa.

MARESIAS

As duas lanchas da Receita Federal estão passando por reparos, para voltarem a servir na área de Belém e do município de Santarém nos serviços de fiscalização.

Cada vez pior a situação do porto público de Manaus, o Rodway. Por ironia do destino, administrado pela CDP-Companhia Docas do Pará, a mil milhas de distância.

De acordo com a licitação internacional para a retirada do fundo o navio “HAIDAR” do porto de Vila do Conde, o problema, com certeza, será solucionado.

Dia 11 de junho mais um Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo, evento que será condignamente comemorado pelo Comando do 4º Distrito Naval, como sempre.

As duas empresas de Praticagem sediadas em Manaus ainda não se conformaram, querem por querem, sua jurisdição esticada até a cidade de Parintins. Depois eu volto.

Pelo que se observa… tudo na Amazônia é difícil. A tão reivindicada Polícia Hidroviária Federal vai ficar só na conversa, lamentavelmente.

Elogiável trabalho do vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues da Silva, Comandante do 4º Distrito Naval, em defesa da segurança da navegação na Amazônia. Nota 10.

Pelo menos até agora não surgiu nenhum movimento de construção dos Terminais Fluviais anunciados pelo presidente da CPH-Companhia de Portos e Hidrovias do Estado.

Uma nova empresa de navegação já está organizando a sua frota de velozes embarcações para entrar com força total na região das Ilhas, especialmente Breves, diariamente.

Estaleiro localizado em Macapá, construindo modernos catamarãs e utilizando, inclusive, a mais moderna técnica naval, com engenheiro e técnicos especializados no exterior.

Estão sendo fundados novos sindicados dos Práticos. Em Macapá, inclusive, já está funcionando um deles, já filiado à Federação Nacional dos Práticos no Rio de Janeiro.

Em Belém funciona o Sindicato dos Oficiais de Náutica e dos Práticos do Estado do Pará, isto há muitos anos, naturalmente filiado às duas Federações. Pará e Rio de Janeiro.

Da nova Turma do CIABA-Centro de Instrução “Almirante Braz de Aguiar” estão fazendo parte 46 belas jovens de diversos estados, fascinadas pela vida no mar.

A cada ano que passa o número delas vai aumentando. Hoje a Marinha Mercante Brasileira conta com diversas mulheres, que, inclusive, já exerceram o Comando dos navios mercantes.

Tanto a Polícia Militar do Pará, como o Corpo de Bombeiros Militar do Pará, já tiveram nos seu Quadros de Oficiais Superiores, Oficial de Náutica e de Máquinas.

As três Escolas de Marinha Mercante que funcionam em Lima no Peru, todos os anos formam um bom número de oficiais mercantes que, na maioria, migram para outros países.

BEIRA DO CAIS

Existem comentários na “Beira do Cais” afirmando que, considerando a grande capacidade do tocantino PHD Parsifal Pontes, ele estaria cotado para exercer uma outra e importante função pública em Brasília. Mas, acreditamos, que isto não acontecerá, já que o mesmo tem intenções políticas para o próximo ano. Em todo o caso, resta aguardar os acontecimentos, porque em véspera de Eleições… tudo pode acontecer.

As comemorações do aniversario da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental-CPAOR vão acontecer no próximo dia 22, conforme informações dessa importante OM da Marinha que hoje tem no seu timão o “gigante” CMG Santiago, que em pouco tempo já demonstrou seu grande trabalho, graças à uma equipe de alto nível de civis e militares.

O nosso muito estimado amigo Dr. Paulo Roberto Brandão, hoje radicado em Manaus, sua terra de coração, não está querendo mais tem seu nome cotado para exercer uma função pública no setor, ele que é um dos mais competentes executivos do setor de agenciamentos marítimos e portuários. O que aconteceu em Belém pode acontecer com qualquer um. É aquele velho dito popular: “muitas vezes estamos cercados de cobras venenosas, sem poder sacrificar nenhuma delas…”. Mas Ele está lá em cima, lembre-se.

O nosso muito estimado armador e empresário Dr. José Rebelo III, vice-presidente da FENAVEGA, vice-presidente também dos SINDARPA, estará brevemente em Belém para presidir importante evento ligado ao setor que será realizado na sede da FIEPA-Federação das Indústrias do Estado do Pará, ele que é a grande revelação nacional do setor aquaviário nacional. (AS).

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome