EM CERIMÔNIA NO CIABA Marinha do Brasil comemora aniversário da Batalha Naval do Riachuelo – Data Magna da Força com uma vasta programação

0
99
A Marinha do Brasil comemora anualmente, no dia 11 de junho, o Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo-Data Magna da Força, marco na história do Brasil no contexto da Guerra da Tríplice Aliança.
Naquele dia 11 de junho de 1965, o Brasil obteve uma vitória decisiva ao assegurar a livre navegação na Bacia do Prata, por onde passava todo o apoio logístico ás forças terrestres. Este ano, a Data Magna completa 152 anos e o Comando do 4º Distrito Naval preparou uma vasta programação de eventos no mês de junho.
A cerimônia cívico – militar, em comemoração à Batalha Naval do Riachuelo será realizada hoje às 9h30, no Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (CIABA). Dentre os convidados, diversas personalidades das esferas estaduais e municipais, representantes dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo, além de outras autoridades militares e civis.
Na ocasião, será feita imposição da Comenda da Ordem do Mérito Naval – a mais alta condecoração da Marinha do Brasil, que de destina a premiar os militares da Força que se destacam no exercício de sua profissão e, excepcionalmente, corporações militares e instituições civis, nacionais e estrangeiras, suas bandeiras ou estandartes, assim como personalidades civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que prestaram relevantes serviços à MB.
O significativo evento será presidido pelo vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues da Silva – Comandante do 4º Distrito Naval. (Foto: Luis Celso).Navegação

A navegação à noite através dos Estreitos de Breves, precisa de muito cuidado, muito especialmente à noite, diversos acidentes já aconteceram, inclusive uma corveta da Marinha abalroou com um navio de passageiros da ENASA que foi ao fundo, num verdadeiro milagre sem nenhuma vítima o navio tinha abordo 400 pessoas, alguns anos passados.

Exportação

Produtos da Amazônia, que alguns anos passados eram considerados como “alimentação de pobres” estão hoje sendo exportados em grande escala para diversos países, como o tamuatá, piramutaba e o precioso açaí, proporcionando muitas divisas para o Brasil. o açaí está sendo tão disputado que tem seguido até de avião. Mudanças dos tempos.

Impossível

Esse Mecenas Gonçalves, está mesmo impossível, nem bem agradeceu ao convite para exercer uma importante função federal em Belém, vem agora outro convite para uma outra importante função esta de âmbito regional. É muito decifrar a mesma, já que ele é um grande educador, sendo inclusive professor aposentado da Universidade Federal.

Reunião

A SOAMAR-Belém realizou importante reunião na última quarta-feira, que foi bastante movimentada, tendo a dirigi-la o presidente do Conselho Superior vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues e, a presidente da entidade, empresária Drª. Sônia Guedes. Importantes assuntos em pauta. O colunista, por compromisso anterior, deixou de participar da mesma,

Recrutamento

Conforme edital publicado no jornal “Amazônia”, a Norte Empreendimentos, que funciona no município de Barcarena, está recrutando estivadores, armadores e conferentes. Em tempos de crise não deixa de ser uma boa notícia para quem está desempregado, aliás, a empresa está em grande desenvolvimento na área portuária. Nota 10.

Encontro

O encontro com o Secretário Nacional dos Portos está confirmadissimo para o próximo dia 12 na FIEPA-Federação das Indústrias do Estado do Pará, com a presença de armadores fluviais do Pará e Amazonas bem como de outros segmentos ligados ao setor marítimo e portuário, esse evento é de extraordinária importância para a Amazônia.

MARESIAS

Um verdadeiro gentleman o Diretor de Operações Norte Rogério Lima, do Grupo Hidrovias do Brasil, já está radicado e muito conceituado no setor em nossa capital.

O grande empresário nosso amigo Carlos Cabral Rebelo, muito atarefado sem tempo inclusive de atender seus amigos. Compreensível o seu Grupo ICCAR cresceu muito.

Dois educadíssimos empresários e armadores Celso Sganzerla e Carlos Bannach, que vieram lá do sul, continuam contribuindo para o desenvolvimento do Pará e da Amazônia.

Na verdade hoje a FIEPA-Federação das Indústrias do Estado do Pará, conta com um naipe de diretores do mais alto nível, entre eles o meu amigo Ivanildo de Pontes.

O PHD Parsifal Pontes, que hoje está na presidência da CDP-Companhia Docas do Pará tem um grande potencial político no baixo, no médio e no alto Tocantins. Isto eu sei.

Professor Mecenas Gonçalves, vai também prestar a sua homenagem ao vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues da Silva, em meio a um jantar de longo curso. Com certeza vamos lá.

Hoje, a partir das 09:30hs, a significativa cerimônia militar no CIABA em comemoração a mais um Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo. No final um coquetel especial.

Até agora nada de positivo sobre o resultado da licitação internacional feita pela Secretaria Nacional de Portos, para a retirada do navio-boiadeiro “HAIDAR”. Paciência.

Conforme pesquisa a empresa que mais se destacou no transporte de derivados de petróleo na Amazônia no exercício passado foi a Transdourada-Grupo GDIAS. Nota 10.

Tem armador fluvial que há mais de cinco anos tenta um financiamento para construção de duas balsas e um empurrador, mas até agora não conseguiu. Lamentável.

O colunista só queria saber, quem autorizou um ex-Comandante do CIABA-Centro de Instrução “Almirante Braz de Aguiar”, a trocar as denominações dos barcos doados pela Nortepilot.

Os barcos foram doados, quando Comandante do CIABA o CMG-REIS e Comandante do 4º Distrito Naval, o nosso amigo então vice-almirante Marcus Vinicius.

Pelo menos até ontem nenhuma estrutura foi anunciada para dar inicio a derrocagem do Pedral do Lourenço. Na verdade tudo continua na mesma, só promessas nada mais.

Brevemente a HENVIL Transportes, vai dar inicio a ampliação do seu Terminal em Icoaraci, vai ser inclusive uma atração turística na Vila. Questão de mais um tempo.

CIANPORT, empresa que tem como executivo o amigo Luiz Pagot, ex- diretor do DNIT Ministério dos Transportes, esta com a construção de algumas embarcações atrasadas.

O estaleiro EASA, pouco a pouco está aumentando a sua movimentação, com certeza dentro em breve vai disparar e colocar em dia os seus compromissos com certeza absoluta.

BEIRA DO CAIS

Um dos bons mercados do sistema rodo fluvial Manaus/São Paulo, antes da entrada dos navios de cabotagem no rio Amazonas era sem duvida alguma produtos da Zona Franca de Manaus, transportados em carretas, que de Belém seguiam ao seu destino através do sistema rodoviário. Entre as empresas de cabotagem a ALIANÇA com navios porta contêineres.

Hoje em meio à cerimônia militar alusiva ao Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo no CIABA-Centro de Instrução “Almirante Braz de Aguiar”, diversas personalidades estarão recebendo a Medalha do Mérito Naval, com imposição que será feita pelo excelentíssimo vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues da Silva, Comandante do 4º DN.

Tudo indica que a partir do próximo ano vai acelerar também a exportação de grãos através do porto de Santana-AP, que pertence a CDA-Companhia Docas do Amapá. O primeiro foi feito com o mais absoluto sucesso, isto deve-se ao trabalho ainda feito pelo ex- Governador Camilo Capiberibe, que teve uma atenção especial com o setor portuário.

Da primeira Turma de Mulheres formadas em Náutica pela EFOMM do no CIABA-Centro de Instrução “Almirante Braz de Aguiar”, através de Concurso uma delas é hoje Capitão-Tenente (T) a bela cearense Vitória Régia que serve em Brasília e da Turma “Jornalista ALYRIO SABBÁ”, tem uma Capitão-de-Corveta que por ironia do destino até pouco tempo serviu no CIABA.

Uma organização impecável observa-se no Terminal Hidroviário “Luiz Rebelo Neto”, por onde diariamente passam um grande numero de passageiros, muito especialmente do interland paraense e do baixo Amazonas e Macapá. Esse Terminal é administrado pela CPH-Companhia de Portos e Hidrovias, órgão do Governo do Estado, que conta com diretoria de alto nível. (AS).

COMPARTILHAR