Comandante de Operações Navais da Marinha será homenageado hoje com um Jantar de longo curto no PÍER – 47

0
37

Hoje estará bordejando por Belém, acompanhado da sua comitiva, o excelentíssimo Almirante-de-Esquadra Paulo Cezar de Quadros Kuster, em viagem de inspeção às diversas OMs do Comando do 4º Distrito Naval, ele que é o Comandante de Operações Navais da Marinha do Brasil, que, por sinal, aparece na foto com o colunista quando da sua visita a capital paraense, num encontro social no Ares-Espadarte Clube dos Oficiais da Marinha.
Essa alta Autoridade da Marinha do Brasil, em meio a cerimônia de posse da nova Diretoria da SOAMAR-Belém, será homenageado com um jantar de longo curso, no PÍER 47, a partir das 19:30 horas, evento que contará com a presença do excelentíssimo vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho – Comandante do 4º Distrito Naval.

Reunião

A FENAVEGA estará realizando importante reunião no próximo dia 18, a partir das 14 horas, no plenário da CNT em Brasília, quando estarão em pauta importantes assuntos ligados ao setor aquaviário.

Alívio

Pouco a pouco está desaparecendo aquela ameaça de privatização da Transpetro, empresa de navegação subsidiaria da Petrobrás, por sinal detentora da maior frota da América Latina. Muito bom.

Presença

Presença destacada a bordo do NH “Garnier Sampaio” na Romaria Fluvial no próximo sábado, será do Comandante de Operações Navais da Marinha – COM, excelentíssimo Alte.de Esquadra Kuster, entre outros.

Workshop

A grande pedida no setor será o workshop que será promovido no dia 18 no Hotel Samaúma, no Caripi, pelo SINDAMPA, com importantes palestras envolvendo os mais importantes assuntos. Na verdade é imperdível.

Estações

Está sendo aguardada com o mais absoluto interesse, a entrada no ar das duas Rádios Marinha FM, iniciativa super-elogiável do 4º Distrito Naval, objetivo de oferecer mais segurança aos navegantes com suas mensagens.

No Governo

Nosso muito estimado amigo Paulo Roberto Brandão, homem de confiança do Governador do Amazonas Amazonino Mendes, tem tudo para exercer uma importante função pública em Manaus. Aguardem que depois eu volto.

Destruição

Como era esperado já começou de alguns impérios criados no atual Governo ligado ao setor. Dizem, não sei que tem gente desde agora arrumando as gavetas. Função pública é passageira.

MARESIAS

O jovem armador fluvial Luth Rebelo, do Grupo Bom Jesus Navegação, foi reeleito Deputado Estadual. Enquanto isto o armador Antonio Rocha não conseguiu voltar a Assembléia Legislativa, mesmo obtendo uma boa votação. Coisas que acontecem.

Um dos Diplomas que o colunista guarda com muito carinho, é o de Sócio Honorário da Associação Brasileira de Direito Marítimo, assinado quando presidente o distinto amigo Dr. Pedro Calmont Filho, expressão máxima do Direito Marítimo.

Um profundo silêncio sobre o início das operações de retirada do Pedral do Lourenço. Se aproxima o final do ano e nada aconteceu. Aqueles que investiram com objetivo de operar seus comboios em linha direta, ficaram só na esperança…

Causou grande satisfação no setor (e não poderia ser ao contrário), a anunciada volta das operações da HYDRO em Vila do Conde-Barcarena. Os entendimentos chegaram a bom termo, isto foi muito bom para todos. Nada melhor que um bom entendimento.

O nosso bom amigo Pastor Sozinho, que foi um grande Cabo Eleitoral do novo Senador Zequinha Marinho, era só satisfação na última segunda-feira, ele inclusive teve seu nome aprovado para receber em novembro a Medalha Amigo da Marinha.

Uma nova empresa de cabotagem, que ultimamente vem operando somente na rota Sudeste/Mercosul, poderá estender brevemente a sua programação para toda costa brasileira, podendo chegar até o porto de Vila do Conde. Depois eu volto.

Elogiável trabalho da Assessoria de Comunicação Social do Comando do 4º Distrito Naval. A imprensa sempre muito bem informada através da mesma. Isto é muito bom, por isto vai o meu abraço de agradecimento a toda equipe.

Nosso bom amigo Eduardo Braga, reeleito Senador pelo estado do Amazonas, ele que muito tem feito pela região amazônica, vai também defender junto ao próximo Governo Federal a criação da Polícia Hidroviária Federal. Ele sabe da sua necessidade. (AS).

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
5 × 8 =