Maturu ao longo dos anos vem contribuindo para o desenvolvimento do Pará e da Amazônia no setor fluvial

0
20

Hoje a coluna faz um destaque muito especial, desta vez para o armador e empresário José Rodrigues Tamborim, diretor da MATURU, que aparece na foto com sua bela esposa, armadora Gelcira e o colunista. Ele ao longo dos anos vem contribuindo para o desenvolvimento do nosso estado, com viagens regulares para o XINGU, transportando cargas e passageiros, mantendo inclusive dentro das normas recomendadas pela ANTAQ um Terminal no litoral da Avenida Bernardo Sayão em nossa capital. Aliás, há poucos dias Tamborim, que também faz parte da Diretoria do SINDARPA e da SOAMAR-Belém, como Amigo da Marinha que é, comemorou 7.0, quando foi homenageado pelos seus familiares e pelo seu grande amigo empresário Dr. Mario Leitão, diretor da Casa das Tintas. Bom irmão e amigo, vai o abraço do colunista.

O Navio “Haidar” continua no mesmo local em Vila do Conde

Lamentavelmente até agora o navio-boiadeiro “HAIDAR” continua no mesmo local, ou seja, completando três anos que aconteceu o naufrágio, sacrificando 5.000 mil animais, envolvendo inclusive o meio-ambiente e causando sérios problemas para os ribeirinhos do município de Barcarena.
Conforme Concorrência do Ministério dos Transportes, ainda no mês de junho passado houve uma empresa vencedora para reflutuação do mesmo, mas até hoje a operação não aconteceu.

ANTAQ apresenta números sobretransporte fluvial na Região Amazônica

Foi estimado, por ano, o transporte de 9,8 milhões de passageiros e 3,4 milhões de toneladas de cargas distribuídos pelos transportes longitudinais estadual e interestadual, além do de travessia, na Região Amazônica. Em relação ao transporte longitudinal estadual, responsável pelo transporte de 5,7 milhões de passageiros, o destaque foi o estado do Pará, que concentrou 69,5% dessa estimativa.
Os números são da segunda edição do estudo “Caracterização da Oferta e da Demanda do Transporte Fluvial de Passageiros e Cargas na Região Amazônica”, um trabalho da ANTAQ, em parceria com a Universidade Federal do Pará. Na sede da Agência aconteceu um seminário recentemente sobre o estudo, quando foram apresentados os principais dados do levantamento.

BORDEJANDO

Nosso amigo Almirante Olsen, de pronto agradeceu a nota publicada na última quinta-feira.

Comenta-se na “beira do cais” que tem gente pulando fora da área. Eu volto ao assunto.

Uma das melhores MARINAS de Belém é a do Grupo Atlântica Matapi. Ontem tinha 150 embarcações.

O Grupo Wilson, Sons com mais de 170 anos de atividades, é o maior Operador de Rebocadores.

Hoje a tradicional SINPESCA tem importantes atividades, uma grande força sindical.

Com a saída de Parsifal Pontes, a Drª. Helena Moscoso foi efetivada na presidência da CDP.

A disputa agora é pela diretoria de gestão portuária, mesmo por pouco tempo na função.

Grande destaque para Fabio Vasconcelos-Diretor do Rio Maguari, em importante Revista no RJ.

O Dr. Luiz Otávio Campos, é convidado de honra para o Simpósio Amazônia Azul, em Brasília.

Novidade no Rio Guamá, o Restaurante Flutuante da Atlântica Matapi, fica junto a Marine.

Um nosso muito conhecido poderá assumir o Ministério que substituirá o dos Transportes.

Repetimos: se o grande Mestre Professor Mecenas quiser, poderá assumir uma importante função.

Até o momento não surgiu nenhum interessado na cábrea “Rio Branco da CDP. Continua ociosa.

Muita gente não sabe, mas o Exército opera na Amazônia diversas embarcações fluviais.

Hoje, ilustres personalidades estarão sendo agraciadas com a Medalha Amigo da Marinha.

MARESIAS

Pelo especial conteúdo que sempre traz o ANUÁRIO assinado pelo SINDOPAR – Sindicato dos Operadores Portuários do Estado do Pará, trabalho dinâmico do seu presidente Alexandre Carvalho, hoje uma das reservas moral do setor, com certeza a sua próxima edição, a 6ª, vai contar com total apoio do empresariado de nossa capital. Hoje, por sinal, esta publicação é referência internacional.

Mais um ataque aconteceu na semana que passou, desta vez a um navio fluvial, com um grande número de passageiros a bordo. Diversos “bandidos” nas proximidades de Breves promoveram o ataque com armas de grosso calibre. Felizmente não houve vítimas fatais, mas um grande pânico envolveu todos que se encontravam a bordo. Está na hora da criação da Polícia Hidroviária
Federal cujo projeto já tramita no Senado.

O presidente da CDP-Companhia Docas do Pará Parsifal de Jesus Pontes, que estava licenciado, deixou de vez a função, para Comandar a Equipe de Transição, indicada pelo Governador do Estado, Helder Barbalho, que assumirá a função no início do mês de janeiro de 2019, eleito que foi nas últimas eleições. Assumiu a Diretora de Gestão Portuária da estatal Drª. Helena Moscoso, que vinha respondendo pelo expediente.

Muita gente não sabe, mas a LOG-IN vem atuando nos principais mercados em desenvolvimento e hoje mais de 1.500 empresas fazem parte de sua carteira de clientes. A empresa que opera na cabotagem, conta com 11 escritórios regionais no Brasil e em Buenos Aires – Argentina e uma frota composta por seis modernos navios porta contêineres, com escalas nos principais portos do Brasil. Presentes, inclusive, na Amazônia.

A Santos Brasil cresce com o Brasil. Hoje a maior Operadora Portuária do País, além do Tecon Santos – SP, opera mais dois Terminais de Contêineres – Vila do Conde (PA) e Imbituba (SC), um Terminal de Carga Geral (TCG Imbituba) e um Terminal de Veículos (TEV) no Porto de Santos – SP, contando também com uma Operadora Logística, a Santos Brasil Logística. Essa empresa tem papel importante quanto ao desenvolvimento do Brasil.

Na mesa do colunista a composição da nova diretoria do SINPESCA, eleita no último dia 28 de outubro para o quadriênio 2018/2022, para a presidência, conforme já informamos anteriormente, foi reeleito o empresário Apoliano Oliveira do Nascimento, titular da Esperança Pescados Ltda., o Sinpesca, continua sendo uma grande potencia sindical, filiado a FIEPA entidade maior que tem papel importante em nosso Estado. (AS).

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
19 × 18 =