Recebemos convite do Ministro de Estado de Defesa para participar da cerimônia de posse do novo Comandante da ESG

0
89

O Ministro de Estado de Defesa – General de Exército Fernando Azevedo Silva, tem a honra de convidar VSª para a solenidade de Passagem de Comando da Escola Superior de Guerra – ESG, a realizar-se ás 11:00 horas do dia 3 de abril, do General de Exército Décio Luis Shons, para o Almirante-de-Esquadra Alípio Jorge Rodrigues da Silva.
Como se sabe, o hoje Almirante-de-Esquadra Alípio Jorge, que aparece na foto co o colunista, ainda no posto de vice-almirante, foi Comandante do 4º Distrito Naval, que envolve os estados do Pará, Amapá, Maranhão e Piauí.

Nosso profundo agradecimento às referências elogiosas do Almirante Edervaldo

O colunista jamais poderia deixar de agradecer as referencias elogiosas feitas pelo nosso estimado, amigo vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, quando da reunião da SOAMAR, do Jantar em sua homenagem no Píer – 47 e por último quando da cerimônia de transmissão de cargo ao seu colega de igual patente Newton de Almeida Costa Neto realizada no CIABA. Muita gente não sabe, mais uma amizade de mais de 30 anos, ou seja, desde quando serviu aqui em Belém ainda Primeiro – Tenente, que faz inclusive recordar os bons tempos do nosso saudoso Iate Clube, do qual era freqüentador assíduo todos os sábados e domingos, quando em Belém. Com certeza, ele não vai ficar a ver navios, o sucesso lhe espera também na área civil. Meu abraço. (Foto Luis Celso).

Estaleiro Rio Maguari foi destaque na Colômbia e em São Paulo

Pela sua especial mão de obra, não será nenhuma surpresa se num futuro não muito distante, o estaleiro paraense RIO MAGUARI passar a construir também embarcações militares. Esse estaleiro por sinal, que é o maior construtor de embarcações fluviais do Brasil, acaba de participar de duas importantes mostras navais, sendo uma na Colômbia e outra em São Paulo, com sucesso absoluto.

MARESIAS

Inesquecível o final do discurso de despedida do Almirante Edervaldo: Invocando as palavras do Apóstolo Paulo ao amigo Timóteo – “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Com certeza, meu bom Deus, eu fiz o meu melhor”.

Agora, justifico minha ausência na cerimônia de transmissão de cargo de Comandante do 4º Distrito Naval, isto porque na minha longa trajetória como um bom “MARINHEIRO”, foram tantas despedidas, que hoje o coração bate mais forte, quando se trata de um grande amigo.

Comenta-se insistentemente no setor que a “Dona Justa Federal” poderá aparecer a qualquer momento pela “BEIRA DO CAIS”. O parafuso está “apertando cada vez mais”, portanto, olho vivo, porque com coisa seria não se brinca. Eu volto.

Comenta-se na “beira do cais” que o atual presidente da CDP – Companhia Docas do Pará, trouxe de Brasília um Assessor. Talvez ele não saiba que na empresa existem técnicos do mais alto nível profissional. Sinceramente… isto é lamentável.

O SINDIPORTO, que congrega os portuários do Pará, permanece sem nada fazer em defesa dos seus associados, totalmente ao contrário, quando presidente o combativo cedepeano ROCHA. Enquanto isto, um dos seus associados faz parte da diretoria da CDP.

Os Oficiais – Generais e os Oficiais Superiores da Marinha – que serão promovidos no dia 31 de março, estão convidando o colunista para um coquetel de Confraternização a realizar-se no dia 6 de abril, às 20h, na Escola Naval no Rio de Janeiro.

Entre os novos Almirantes-de-Esquadra, fazem parte dois amigos do colunista Alípio Jorge Rodrigues da Silva e Marcos Sampaio Olsen. O primeiro, por sinal, goza de muita estima aqui em nossa capital. Ele foi Comandante do 4º Distrito Naval.

Entrando em tráfego mais um PREVbarco, este com base em Santarém, para atender as diversas localidades próximas a essa cidade do Tapajós. Isto é muito bom para os ribeirinhos. O mesmo acontece em todas região das Ilhas. Nota 10.

Não está descartada a volta, ainda no decorrer deste ano, ao tráfego de um dos grandes catamarãs que pertenceram a frota da ENASA, pouco a pouco ele está sendo recuperado, para fazer a rota Belém/Manaus no transporte misto de cargas e passageiros. (AS).

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
33 ⁄ 11 =