Ipem-AM inaugura embarcação que vai levar mais serviços públicos ao interior

0
30

Foi inaugurado nesta sexta-feira (17/05), mais uma Unidade Básica Fluvial de Fiscalização e de Pesquisa (UBFF/UBFFP II), do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM). A nova embarcação, junto a outra unidade fluvial do Ipem que recebeu reparos e melhorias na estrutura, vai dar suporte aos atendimentos que serão realizados no interior do Estado, iniciando por Parintins. O município já começa a receber a assistência na segunda-feira (17/05). A solenidade de inauguração foi no Juruá Estaleiros e Navegação, no km 1 do Distrito do Cacau Pirêra, no Iranduba.

Entre os serviços que serão prestados de forma itinerante, nas embarcações, estão os de metrologia e conformidade, oferecidos pelo Ipem-AM, bem como todos aqueles relacionados à defesa do consumidor, pelo Procon-AM, e ao processo de licenciamento de veículo e habilitação, incluindo atendimento médico-psicológico pelo Detran-AM. A Sejusc vai oferecer emissão de RG emissão de RG (1ª e 2ª vias); 2ª via de registro civil; reprografia; fotografia e plastificação. E na área da saúde, a Susam vai realizar cirurgias de catarata, consultas oftalmológicas e exames de ultrassonografia.

Unidades fluviais – De acordo com o diretor-presidente do Ipem, engenheiro Márcio André Brito, as unidades fluviais são capacitadas para assegurar ao cidadão amazonense a exatidão das medições, no campo da Metrologia Legal, bem como na área da Avaliação da Conformidade, no acompanhamento dos produtos certificados (compulsoriamente) e regulamentados (produtos têxteis e de baixa tensão), disponíveis no mercado de consumo, garantindo a credibilidade em relação à economia, saúde, segurança e meio ambiente.

O Ipem também vai fiscalizar a distribuição de combustíveis e certificar produtores rurais. Com essa embarcação, os laboratórios estarão na porta dos municípios prestando esse serviço, agregando valor ao produto e deixando muito mais competitivo”, assegurou o diretor-presidente.

A UBFFP II também viabilizará apoio técnico aos pequenos produtores do interior do estado, certificando produtos regionais, com o Programa “Selo Amazônico”, contribuindo para o aumento da competitividade e assim agregando valor no mercado nacional e internacional (exportação).

Por Portal da Navegação, via Manaus Alerta.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
12 × 9 =