EMPRESA PARAENSE – Já consignou importantantes premiações, nacionais e internacional, atuando também no setor

0
32

Confirmado para dezembro, o ESCRITÓRIO FARIA estará recebendo mais uma importante premiação nacional, pelo extraordinário desempenho nos setores em que vem atuando ao longo dos anos em nossa capital, no atendimento a importantes empresas também ligadas ao setor marítimo, sindical, praticagem e outros mais, contando com uma equipe de técnicos e servidores do mais alto nível, tendo no seu Comando o ilustre professor dr. Antonio Faria, mestre em contabilidade, assessoria e auditoria, com uma vivência de muitos anos na área, conceituadíssimo nacionalmente, sendo inclusive portador da Medalha AMIGO DA MARINHA. É importante destacar que entre os demais prêmios recebidos está o de Marketing Negócios Internacionais ao Talento Empreendedor – Destaque Empresarial, orgulho, sem dúvida, para o nosso Estado.
Na foto, o professor Antonio Faria no dia em que foi agraciado com a Medalha Amigo da Marinha. (Foto: Luiz Celso).

Só dura muito que é bom – Wilson Sons caminhando para 170 anos no Brasil

A Wilson Sons – uma empresa com perto de 170 anos (se não me falha a memória), está presente há longos anos na Amazônia, ocasião em que chegou a movimentar em Belém o maior número de contêineres, através de seu Agente que era a Consulmar. Como se sabe, hoje a Wilson Sons é considerada no Brasil o maior Operador Portuário de rebocadores, na maioria azimutais, mantendo ainda em Guarujá – São Paulo uma especial estaleiro habilitado para construir as mais modernas embarcações, na sua maioria voltada para o sistema portuário

Outras mudanças poderão acontecer na Diretoria da CDP

Na última sexta-feira corria solto no setor portuário de Belém que, a qualquer momento, poderiam acontecer mais duas modificações nas Diretorias da CDP-Companhia Docas do Pará, inclusive, já se falava no nome de um Almirante da Reserva da Marinha, que foi Comandante do 4º Distrito Naval, para a Presidência da estatal. Como o momento político é de incertezas, tudo pode acontecer, mesmo porque um Almirante da Reserva se afina melhor com a função. Aliás, é bom lembrar que esse boato já vinha circulando pela beira do cais há cerca de um mês, resta somente aguardar, porque, é bom repetir, “em política o inesperado pode acontecer”. Repetimos aquele dito popular: “onde tem fumaça, tem fogo…”.

Nova tecnologia da Santos Brasil em suas operações

A Santos Brasil, que também está presente no Pará, precisamente no porto de Vila do Conde, com um movimentado Terminal de Contêineres, para melhor atender seus clientes vem sempre implantando uma nova tecnologia, inclusive na área de exportação, para isto, desde o ano passado mantém a leitura de lacres por meio de OCR (sigla em inglês) para reconhecimento de Contêineres, substituindo a digitação manual dos dado, aumentando a segurança e a produtividade, reduzindo erros e agilizando o processo de despacho de cargas.

MARESIAS

O Grupo Atlântica Matapi, capitaneado pelo bom caráter Relton Osvaldo Pinto, continua abrindo o seu “leque” e vem com novidades a caminho. Muito bom.

O primeiro Comboio Fluvial da HERMASA, com 40 mil toneladas de grãos, que cruzou o Rio Madeira até o Terminal de Itacoatiara, da empresa, tinha CLC no Comando.

Depois de tudo regularizado com o fim da Covid-19, pode acontecer novidades no serviço de Travessias, acredite quem quiser, porque depois o colunista conta…

Quase 180 práticos da ZP-1 (Rio Amazonas) estão divididos em diversas empresas que atendem os navios que cruzam o Rio Mar, através da Barra Norte até Itacoatiara.

Entre elas está a conceituada Norte Pilot, que conta com efetivo de profissionais do mais alto nível profissional, muitos até conhecidos como “COBRA GRANDE”.

Isto porque, se for necessário, eles navegam com ou sem aparelhos de navegação. São verdadeiros Mestres que constantemente estão consignando elogios. Nota 10.

Os cedepeanos autênticos estão aguardando as primeiras ações do novo Diretor de Gestão Portuária da empresa, inclusive uma visita de trabalho em Vila do Conde.

As empresas de navegação fluvial, tanto de cargas como de passageiros, estão somando grandes prejuízos. Uma ajuda tanto do Governo Estadual como Federal, chegaria em boa hora.

Muita gente não sabe, mas o gentleman empresário dr. Fábio Vasconcellos, Diretor do Mega Estaleiro Rio Maguari, faz parte de importante entidade naval internacional.

Um importante Grupo de Vila do Conde, sem alardes, vai voltar com força total, para isto já estão sendo tomadas as primeiras providências.

A empresa de Navegação TRANSDOURADA, de alto padrão da navegação fluvial da Amazônia, tem tudo para ser mais uma vez premiada por tudo de bom que vem fazendo.

Essa empresa do conhecido e conceituado Grupo G.DIAS, vem contribuindo de maneira muito importante para o desenvolvimento, não só do Pará, mas também de toda a Amazônia. Nota 10.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
3 × 7 =