BrasilExport 2020 reúne setor portuário e autoridades em Brasília

0
18

Fórum contará com ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, além de presidentes de portos públicos, dirigentes de entidades e empresários; evento abrigará ainda anúncio de prêmios para maratona tecnológica e dos melhores portos do País

Logo no início da pandemia do novo coronavírus, em março deste ano, o governo federal reconheceu a importância do setor portuário com a finalidade de evitar o desabastecimento das cadeias produtivas que acabam por impactar em toda a população. Responsável por cerca de 95% da corrente do comércio exterior, a manutenção dos serviços portuários foi essencial também para toda a economia do País.

O presente e o futuro desse setor que passa por transformação será discutido no Brasil Export 2020, Fórum Nacional de Logística e Infraestrutura Portuária, que acontece em Brasília (DF), nos dias 23 e 24 de novembro. Entre outros, o evento contará com a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, presidentes de portos do Brasil, inclusive o de Santos, o principal da América Latina; e ainda dirigentes de entidades ligadas ao setor portuário, de infraestrutura e da multimodalidade. As inscrições para participar presencialmente ou assistir o que for transmitido online está disponível em bit.ly/BrasilExport2020

O fórum também abrigará o 1º Enaph (Encontro Nacional de Autoridades Portuárias e Hidroviárias), que reunirá presidentes dos principais portos do País para discutir temas tais como as privatizações, que devem gerar investimentos da ordem de R$ 10,7 bilhões nos próximos dois anos. No Brasil Export 2020 também serão concedidos dois prêmios: o da maratona tecnológica Brasil Hack Export, que ofertará US$ 5 mil ao melhor projeto apresentado, e o de melhor porto do País, o “Portos + Brasil”, premiação criada pelo Ministério da Infraestrutura. (leia mais abaixo)

“O Ministério da Infraestrutura tem um programa em curso para o setor portuário com mudanças legislativas, concessões, autorizações e as primeiras desestatizações de portos brasileiros. São melhorias significativas que estão sendo construídas em diálogo com todo o mercado. O Brasil Export é hoje um evento consolidado no calendário do setor e uma excelente oportunidade para uma interação maior, buscando sempre o aprimoramento de nossa agenda”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, presença confirmada no evento.

O Brasil Export 2020 chega a Brasília após a realização de 100 lives além de cinco fóruns regionais (Macapá, Curitiba, São Paulo, Porto de Suape e Rondonópolis), realizados no País. O objetivo desses encontros regionais foi o de analisar os principais gargalos do setor que acabam por impactar em toda a cadeia logística brasileira.

“Em Brasília teremos a síntese de todos os debates realizados em todo o País. Cada região tem a sua particularidade, baseadas em modais diversos como o hidroviário, cabotagem, rodovias, ferrovias, e foi fundamental conferirmos in loco a realidade de cada uma dessas regiões, seus desafios e potencialidades, para colaborar com as discussões que teremos agora”, afirma Fabrício Julião, presidente da Una Marketing de Eventos, e CEO do Fórum Brasil Export.

Um pouco do que foi discutido nesses fóruns regionais poderá ser conferido nos painéis do primeiro dia do evento, dia 23. Neles, dirigentes regionais de entidades, presidentes de portos e integrantes do legislativo e executivo de todo País farão breves apresentações.

Uma das participações especiais será a do senador Wellington Fagundes (PL/MT), também presidente da Frenlogi (Frente Parlamentar Mista de Logística e Infraestrutura).

“Tive a oportunidade de participar ativamente do Centro-Oeste Export. A discussão sobre a logística e infraestrutura no País começa por entender as questões regionais. E o Brasil Export ‘fez a lição de casa’ e agora traz essas discussões para Brasília. Assim como a Frenlogi, o Brasil Export tem o compromisso firmado de colaborar com essa retomada econômica do País ao promover essas discussões reunindo as principais personalidades do setor. Me sinto honrado em participar e tenho a certeza de que o evento será um sucesso”, afirmou o senador.

Debates

O Brasil Export 2020 também será composto por quatro painéis. Nesses debates qualificados, integrantes dos setores público e privado buscam caminhos para reduzir as burocracias e atrair investimentos com a finalidade de desenvolvimento do setor.

O painel que debaterá como a multimodalidade pode atuar para elevar a competitividade contará com Vander Costa, presidente da CNT (Confederação Nacional do Transporte). Os demais painéis debaterão temas como marco regulatórios, desafios para atrair investimentos, a nova realidade do comércio exterior no pós-Covid e a necessidade de criação de uma política de Estado para o setor de logística e infraestrutura portuária.

Em todos os painéis estão confirmados, presencial ou virtualmente, representantes do governo federal que abordarão o tema proposto, tais como o ministro José Mucio Monteiro, presidente do TCU (Tribunal de Contas da União), que participará do painel sobre marcos regulatórios; principais players do mercado que atuam na área, tais como Rodrigo Vilaça, CEO do Grupo Itapemirim, que estará no painel sobre a importância da multimodalidade; e entidades do setor tais como Abol (Associação Brasileira de Operadores Logísticos), ATP (Associação dos Terminais Portuários Privados), Fenop (Federação Nacional das Operações Portuárias) e Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo).

Prêmios

No Brasil Export 2020 também serão conhecidos os vencedores do Brasil Hack Export, a maratona tecnológica que oferecerá US$ 5 mil de prêmio ao vencedor. O super hackathon contou com cinco etapas regionais e agora chega a Nacional, reunindo até 30 equipes em busca do melhor projeto que tem como desafio melhorar o funcionamento dos portos do Brasil (eficiência dos berços de atracação). O vencedor também ganhará uma viagem para Singapura.

Outro prêmio a ser concedido durante o evento será o “Portos + Brasil”, do Ministério da Infraestrutura. A premiação visa reconhecer os melhores portos seguindo os critérios do Igap (Índice de Gestão da Autoridade Portuária). A análise dos dados foi feita pela equipe que compõe a Coordenação Geral de Descentralização e Delegações do Departamento de Gestão e Modernização Portuária da Secretaria Nacional de Portos e Transportes Aquaviários. A entrega da premiação será feita pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Serviço

Brasil Export 2020 – Fórum Nacional de Logística e Infraestrutura Portuária

Data: de 23 a 24 de novembro

Local: Royal Tulip Alvorada

Inscrições: bit.ly/BrasilExport2020

Clayton Freitas
Consultor de comunicação
Fórum Brasil Export
+ 55 11 951-558-377
brasilexportpress@gmail.com
imprensa@unaeventos.com.br

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta

Seu comentário
Seu nome

Solve : *
32 ⁄ 16 =